sexta-feira, 14 de outubro de 2011

O caldeirão mágico

 

o caldeirão mágico Último sábado eu acordei com uma bela surpresa. Enquanto tomava café da manhã, liguei a televisão. Estava passando um desenho da Disney, e assim que vi o primeiro quadro, reconheci algo. Era o desenho O Caldeirão Mágico, que me levou direto para minha infância. Tanto que no intervalo fui buscar o livro para reler.

Na verdade, eu nunca tinha assistido o desenho até aquela manhã, mas acontece que tenho o livro, que foi lançado pelo Círculo do Livro em 1985. Como sempre gostei de ler e minha mãe era sócia do Círculo, e a meu pedido comprou o livro. Dá para perceber que desde muito cedo gosto de fantasia (o gosto por esse gênero só se firmou mesmo depois, quando li A História Sem Fim, como eu mencionei na resenha).

O livro (que na verdade foi baseado do desenho, e apresenta algumas diferenças, mas muito poucas) conta a aventura de Taran, um humilde cuidador de porcos que sonha em ser guerreiro. Ele vive em Prydain com Dallben, e sua obrigação é tomar conta de Vem-vem. O que ele não sabe é que Vem-vem é uma porquinha muito especial, pois ela tem o poder de prever o futuro numa tigela de água. Quando o malvado Rei de Chifres descobre que Vem-vem pode ajudar a encontrar o tal caldeirão do título, uma arma mágica muito poderosa, Taran tem que partir para proteger a simpática porquinha.

taran

Claro que ele vai encontrar muita confusão no caminho, mas também vai se deparar com alguns amigos (e algo mais), como a bela princesa Ilone e o bardo Flores Flama, ambos prisioneiros nas masmorras do castelo do Rei de Chifres (que esqueci de falar, mas lembra muito o Vingador, do melhor desenho de todos, A Caverna do Dragão – hum, quem sabe não escrevo algo sobre esse também?). Além de um animalzinho muito fofo chamado Gurgui.

gurgui

flores flama

taran ilone

rei de chifres

O desenho não tem a mesma qualidade das animações mais recentes, mas garanto que na época devia ser maravilhoso. Então não espere cenários de cair o queixo. E nem mesmo é dos melhores da Disney. Mas ainda assim é uma deliciosa diversão. Não sei se ele está disponível em DVD para locação ou venda, ou mesmo para download, e o livro talvez seja encontrado somente em sebos, mas se você conseguir encontrar, recomendo que assista, ou leia. Aproveite que estamos no mês da criança e solte o garotinho ou a garotinha que está dentro de você. Aí vai o trailer:

PS: dá para assistir ele todo no youtube.

2 comentários:

Fefa Rodrigues disse...

Hummm um caldeirão mágino me lembrou do Derfel no livro II das Crônicas de Artur... hehehehe

AH, e seu post me deus uns flashs da minha infancia tbm... acredito q ja vi esse desenho!!!

Bjos
fefa

Nerito disse...

Eu vi esse desenho várias vezes. Pra falar a verdade, acho que esse é um dos meus favoritos.

Enquanto escrevia este coment, fui lá conferir minha estante. Eu tenho o DVD! Foi um dos desenhos que fiz questão de ter, afinal ele é muito tudo o que eu imaginei de fantasia.

O mais legal é que esse é um desenho que não segue o padrão Disney em alguns aspectos.

Sem falar que as escolhas que os personagens fazem durante a história são muito bacanas, bem simbólicas e profundas. Recomendadíssimo!!!