domingo, 20 de fevereiro de 2011

The Tudors – Primeira temporada

 

The tudors 1 Apaixonada por História que sou, já vinha namorando essa série fazia tempo, mas comprei faz poucos dias. E não fiquei decepcionada. Apesar de ainda deixar um pouco a desejar, na minha opinião, a série é muito boa e cada episódio deixa a gente com vontade de ver mais.

A série acompanha a vida do Rei Henrique VIII, conhecido por fundar o Anglicanismo na Inglaterra, e também por ter se casado seis vezes, além de ter tido diversas amantes. Ele é interpretado pela delícia Jonathan Rhys-Meyers, e, embora eu ache que sua atuação é um tanto limitada (aqui. Em Missão Impossível 3 eu acho que ele rouba a cena), leva bem o papel. Ele faz um tirano, devasso e dado a ataques de fúria que vêm e vão num passe de mágica. Acho que isso é um pouco de exagero, mas também não dá pra dizer que um cara que casou seis vezes e mandou matar metade das esposas de equilibrado.

De longe o melhor personagem é o cardeal Wolsey. Interpretado muitíssimo bem por Sam Neill (o Dr. Alan Grant de Jurassic Park). Ambicioso, é ele que governa a Inglaterra por trás de Henrique, a quem ele manipula com facilidade. Como todos os cardeais corruptos, ele é insidioso e dissimulado, capaz de enganar qualquer um. Bom, nem todo mundo cai no seu teatro. A rainha, Catarina de Aragão é uma das pessoas que não se deixa enganar. mas o fim do cardeal não é dos melhores. Merecia um final mais digno dele.

Voltando a Catarina de Aragão, a primeira esposa de Henrique VIII, ela é de dar pena. Na primeira temporada, acompanhamos o processo de divórcio dela do rei, sob a alegação de que ela era esposa do irmão mais velho de Henrique, Artur (isso é verdade). Apesar de o motive real do pedido ser Ana Bolena (já chego nela), Henrique acreditava piamente que seu casamento com Catarina era ilegal, e por isso ele não conseguia um herdeiro ao trono (com ela, ele só teve Mary Stewart). Claro que não ajudava o fato de o rei passar mais tempo com as amantes do que com a rainha. Ela é de dar pena. É obrigada a assistir calada seu marido desfilando com Ana Bolena, e até ao embaraço de ter sua virgindade quando do casamento questionada em um julgamento público. Mas ela não é assim tão passiva. E, no julgamento, ela tem o seu melhor momento, a meu ver.

Ana Bolena, por sua vez, apesar de não ser nenhuma santa, também é de dar pena. Ela é manipulada pelo pai e pelo tio, e obrigada a se aproximar de Henrique. A garota é tratada como gado, como um joguete (não que ela se importe muito, mas isso porque ela ainda não sabe o que o destino lhe reserva). Natalie Dormer, sua intérprete, é meio fraquinha, e suas caras e bocas são irritantes, mas até que dá pra levar.

THE TUDORS - Season 2 Uma ótima surpresa, no entanto, é o cunhado do rei, Charles Brandon, interpretado pela outra delícia (e, pra mim, até mais que Jonathan Rhys-Meyers) Henry Cavill (pretendente de Victoria em Stardust) . E aqui entra uma liberdade criativa da série (uma de muitas, a começar pelo próprio rei, que com certeza não era tão sexy e jovem como esse. Thank God for that!). Ela realmente era cunhado de Henrique, mas era casado com outra irmão dele, não Margareth. Brandon é tão devasso como Henrique, e nutre um ódio imenso por Wolsey (ele e o resto do elenco, fora Henrique). Ele é um dos conselheiros mais próximos do rei, e chega lá, claro, através de trapaça.Mas acho que ele era mesmo amigo de Henrique (pelo menos na série é o que aparenta, não sei o personagem histórico). E Henry Cavill manda muito bem na interpretação. A boa notícia é que ele permanece com sua linda cabecinha no seu lindo pescocinho (e o resto do corpinho maravilhoso) até o final da quarta temporada.

Ambientada no começo do século XVI, a caracterização está impecável, tanto no que diz respeito aos cenários de tirar o fôlego como no figurino maravilhoso, principalmente das mulheres, que deviam sofrer muito com aqueles vestidos, mas que são muito mais lindos que qualquer roupa de hoje em dia.

O começo é meio confuso, por causa do número de personagens e vários têm o mesmo nome, como Thomas More e  Thomas Cromwell (aliás, na primeira temporada são nada menos que 7 Thomas no total), mas, apesar das liberdades criativas, ainda é um belo passeio pela história inglesa, num de seus períodos mais fascinantes.

E se você gostou, a autora Philippa Gregory tem uma série de livros baseados na dinastia Tudor, a saber:

  • A irmã de Ana Bolena – sobre Maria Bolena, que foi amante de Henrique antes de Ana;
  • A herança de Ana Bolena – sobre a prima e a cunhada de Ana;
  • A princesa leal – sobre Catarina de Aragão;
  • O amante da virgem – sobre Elizabeth I, filha de Ana e Henrique, que o sucederia no trono;
  • O bobo da rainha – sobre Mary Stewart , filha de Henrique e Catarina;

dentre outros, que eu pretendo ler (tantos livros, tão pouco tempo…)

10 comentários:

Thalinne disse...

Várias vezes passei o olho nessa série, pensando se devia ou não assistir. Mas depois dessa resenha, fiquei morrendo de vontade!

Nana disse...

Ai nossa todo mundo que fala sobre livros o filme do Percy reclama hahaha
eu curti o filme, mas ainda não li os livros.
Nossa esse seriado eu ainda não assisto. Mas esse Henry Cavill é muito gato!
Está na minha lista HAHAHAHA
Adorei seu blog
se quiser parceria só falar
bjs

Nana
Obsession Valley

Hellen Christine disse...

Oi! Obrigada por visitar o Hellen's Stuffs... sou seguir seu blog certo?!

Bem, se gostou de The Tudors então temos gostos em comum! Eu amo!

Quanto a foto não tem problema, fique a vontade!

Abraços

H.C.C.Reis

http://hellenstuffs.blogspot.com/

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Thalinne!

Assiste que você nào vai se arrepender! Só tenha um lencinho porque você vai babar bastante :D

Beijos!

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Nana,

se você gostou do filme, vai goatar mais ainda dos livros do Percy. São bem melhores.
E o Henry Cavill é mesmo muito gato, e vai fazer um semideus em Immortals - Teseu!

Beijos!

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Ah, Nana, quanto à parceria, sem problema, eu coloco o seu blog aqui, sim!

Beijo!

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Hellen,

se você gosta de The Tudors, vai adorar Roma (vou fazer a resenha logo, logo).

Beijo!

Thalinne disse...

Indiquei seu blog pra um meme.
Passa lá no meu pra você olhar.
www.omundodethalinne.blogspot.com

Beijos!

Maria Clara disse...

Oi Fernanda , eu sou doida para assistir essa série , um dia eu ainda paro para ver .. parabébs pelo blog , ele é muito bom e já estou te seguindo !! =D Beijos
http://oslivrosdeclara.blogspot.com/

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Maria Clara!

Obrigada pelo comentário e eu também adorei o seu blog, também já estou te seguindo. E se quiser uma parceria, é só falar

Beijos e volte sempre!